Arquivo para março, 2008

Ser simples

Posted in gaveta on março 25, 2008 by andregodoi

O sol entrava pela janela e fazia um desenho estranho no meu pijama. Daqueles que a gente só repara em dias sem pressa. Não conseguiria precisar quanto tempo fiquei viajando no quadriculado da flanela. Talvez 1 minuto, ou 15. Ah, o cheiro do café. Hoje sem açúcar, Seu Joaquim. O doce é para os que tem pressa. Para sentir o gosto amargo é preciso não ter hora marcada. Visto meu chapéu e saio andando pelo bairro. A maioria do pessoal prefere ir de carro. Ultimamente tenho optado pelo chapéu. Além de mais econômico, demora mais pra chegar. E a vista é linda.

Interpol

Posted in Música on março 12, 2008 by andregodoi

Uma música tocada de 32 formas diferentes. Ou seria 1 música com 32 paradinhas? Overcool. Ou, no português, sobrecoxa. Muito raipe pra pouco rock. Garotos. Apenas bons, bem vestidos, cheirosos e arrumados garotos.

Cinólatra

Posted in Filmes with tags , , on março 3, 2008 by andregodoi

Meu nome é André de Melo Godoi e sou cinólatra. Veja bem, cinólatra, não cinéfilo. Vou ao cinema como se injeta heroína. Assisto pra esquecer. Pra ficar escondido no escuro enchendo a cara de glicose. Anônimo entre 200 caras azuis, altistas e ruminantes. 120 minutos de não-eu. Comecei cedo, dentro de casa. Sessão da Tarde. Horas e horas largado no sofá curtindo a vida adoidado. De graça. Hoje eu pago inteira, sem carteirinha. Good shit. Só pego do Leão, do Urso e do tal do Oscar. Confesso, leio os créditos. Sou facilmente confundido com um cinéfilo. A diferença é que cinéfilos só assistem a filmes devidamente criticados e estrelados. Eu sou bem mais junk. Na abstinência, sou capaz de encarar substâncias inimagináveis. Van Damme dublado, por exemplo. Falando nisso, um Dominguinho Maior antes de dormir não seria nada mal.